PRAÇA JAMES FANSTONE N° 60 - CENTRO
ANÁPOLIS-GO - CEP: 75.020-390 E-MAIL: contato@heg.com.br
Diretor téc HEG: Dr. Carlos Siade RQE 4262 - Cirurgia Vascular/Angiologia - CRM 9155
TELEFONES: (62) 3099-9000 / (62) 3099-9010

Acesse o Webmail

Notícias

Há 85 anos, Escola de Enfermagem prepara enfermeiras para atuar mundo afora

Quando o fundador do HEG, Dr. James Fanstone, criou a Escola de Enfermagem Florence Nightingale em 1933, não imaginava a importância que esta instituição teria na formação de enfermeiros e enfermeiras. Muitos saíram de Anápolis e trabalharam em diferentes cidades, estados e até países. E foi assim que a história da escola se desenvolveu.

O curso técnico da Florence Nightingale já é reconhecido nacionalmente; várias ex-alunas partiram Brasil afora para trabalhar em importantes unidades de saúde. Outras fundaram suas próprias escolas no interior brasileiro. Atualmente, a unidade também oferece especialização em instrumentação cirúrgica e cursos rápidos para ministração de medicações e primeiros socorros.

Assim como ocorria à época da criação da escola, várias empresas, em todo o país, dão preferência para alunas da instituição na hora de escolher profissionais de Enfermagem. É o caso do Hospital Anchieta, em Taguatinga (DF), que recentemente fez um processo seletivo na ‘Florence’ exclusivamente para escolher enfermeiras que passaram a compor o quadro daquela unidade de saúde.

Após 85 anos de história, ainda há muitos sonhos a serem realizado, conforme avalia a Juliana da Silva Peixoto, diretora da Escola Florence Nigthingale. “Muita coisa mudou. Muda todo dia”, afirma. Como projetos futuros, a criação do curso de técnico em gesso e especialização em curativos são os destaques. A unidade também deverá oferecer em breve atualizações para profissionais já formados.
E como sonho distante, a diretora Juliana afirmou que ainda deseja ver a criação de um curso de Enfermagem em nível superior na escola.

Evangélico

A diretora da Escola de Enfermagem Florence Nightingale, Juliana da Silva Peixoto, exalta a parceria que a unidade mantém com o Hospital Evangélico Goiano. “É muito importante o suporte que o Hospital Evangélico dá para a Escola de Enfermagem”, ressalta.

Ela menciona que boa parte dos alunos que passam pela escola desejam trabalhar no HEG: “A maioria dos alunos que estudam na Escola de Enfermagem Florence Nightingale quer trabalhar no HEG, porque admira a qualidade, o atendimento e as perspectivas profissionais que o hospital oferece”.

“O hospital sempre está de portas abertas”, conclui.

Diretor técnico do HEG
Dr. Carlos Siade – CRM 9155