PRAÇA JAMES FANSTONE N° 60 - CENTRO
ANÁPOLIS-GO - CEP: 75.020-390 E-MAIL: contato@heg.com.br
Diretor téc HEG: Dr. Carlos Siade RQE 4262 - Cirurgia Vascular/Angiologia - CRM 9155
TELEFONES: (62) 3099-9000 / (62) 3099-9010

Acesse o Webmail

Notícias

Médicos do HEG falam sobre melhorias na Hemodinâmica

Para ampliar a oferta de serviços em Cardiologia no Hospital Evangélico Goiano, o setor de Hemodinâmica foi ampliado, modernizado e novos profissionais médicos passaram a compor o corpo clínico que atua no local.

As principais mudanças incluem aspectos estruturais e ampliação, aquisição de novos aparelhos de alta complexidade para atendimento em Cardiologia, Vascular e Neurologia. São realizados em torno de 170 procedimentos por mês, incluindo: cateterismo cardíaco, angioplastia coronariana, valvuloplastia, implante de marca passo, arteriografia periférica, angioplastia periférica, angiografia cerebral, angioplastia de carótidas, embolização neurológica, implante de endoprótese e estudo eletrofisiológico.

De acordo com a enfermeira Luciene Ramos de Lima, que coordena a equipe de Enfermagem da Hemodinâmica no Hospital Evangélico Goiano, “o serviço de hemodinâmica melhorou significativamente e tem contribuído para a população na terapêutica para prevenção e tratamento das doenças cardiovasculares, reduzindo o número de complicações e com resultados favoráveis”.

“Os pacientes foram favorecidos no atendimento com maior agilidade em tempo de espera para agendamentos e resultados”, ressaltou ainda.

Procedimentos

Dr. Flávio Araújo Canêdo é cardiologia intervencionista e também estará à frente do trabalho na hemodinâmica do HEG. Ele ressalta a relevância das mudanças no setor. “Com a aquisição de novos equipamentos de ponta e modernização/estruturação do serviço podemos realizar os procedimentos mais complexos com segurança. Além disso, contamos com dois equipamentos o que agiliza o atendimento à população anapolina e região, com tempo mínimo de espera”, destacou.

Ele ainda evidenciou a importância do grupo que atuará no local: “Equipe treinada e experiente, com anos de atendimento neste setor, prestativa e dedicada, com bons resultados terapêuticos e reconhecida pela cardiologia regional. Realizando procedimentos cardíacos coronarianos e estruturais”.

Reconhecimento

Para quem atua no dia-a-dia do Hospital Evangélico Goiano, o reconhecimento da qualidade dos serviços oferecidos é resultado do processo de modernização da gestão e inovação tecnológica na hemodinâmica. Para o médico cardiologista Dr. João Bosco da Silva Filho, que atuará no local, as melhorias vão além da compra de novos equipamentos.

“O processo de acreditação pelo qual o hospital passou recentemente, com implantação de protocolos, também ajudou a agilizar o atendimento à população, com toda segurança necessária”, afirmou. A experiência da equipe, os bons resultados terapêuticos, o reconhecimento da comunidade médica e da população são elementos que reforçam as melhorias na hemodinâmica. “Além de constante atualização científica, participando de congressos e eventos na área, realizamos procedimentos cardíacos coronarianos e estruturais”, acrescentou.

Avanços

Um dos cardiologistas intervencionistas que também falou sobre mudanças na hemodinâmica que se traduziram em melhorias para o paciente é o médico Dr. Fabrício Caied. “Estes serviços oferecidos fazem com que o Hospital Evangélico Goiano seja a unidade hospitalar com maior número de atendimentos na especialidade em Anápolis”, destacou.

Conforme explicou, o local irá atender à crescente demanda de síndromes coronarianas agudas e afecções cardiovasculares estruturais (congênitas ou adquiridas). Serão oferecidas terapias inovadoras em tratamento percutâneo de afecções valvares e outros defeitos estruturais, como o da estenose aórtica grave do idoso que, até pouco tempo, teria o tratamento cirúrgico convencional como única alternativa.

Tecnologia a favor do paciente

A equipe da Hemodinâmica do HEG tem modernizado o atendimento a pacientes com problemas cardíacos e que precisam se submeter a procedimentos invasivos. O objetivo é dar mais comodidade e segurança nos procedimentos como cateterismos e angioplastias. A nova equipe que atua na Hemodinâmica trouxe ao HEG uma proposta de utilização preferencial de cateterismos e angioplastias pela via radial, isto é, utilizando o braço do paciente como via de acesso, ao invés da via femoral (pela perna).

“Isso implica em um menor risco relacionado ao procedimento e um menor tempo de recuperação, sem qualquer alteração no custo do procedimento. Novas metodologias dentro da área de hemodinâmica serão implementadas nos próximos meses no HEG, como métodos de imagem intravascular (ultrassonografia intra-coronariana) e de avaliação funcional de lesões (reserva de fluxo fracionado), antes restrita aos grandes centros”, destacou o cardiologista intervencionista Gustavo Medeiros, que também atuará na Hemodinâmica do Hospital Evangélico Goiano.